Vale a pena comprar um carro elétrico no Brasil?

Você já deve ter se perguntado se realmente vale a pena pagar o preço dos carros elétricos que estão sendo comercializados no Brasil, então nesse post vamos comparar os gastos em relação a um veículo a combustão.

Os veículos elétricos vendidos atualmente partem de R$ 147.990 e são ideais para quem precisa utiliza-los nos centros urbanos.

Para fazer esse comparativo, vamos utilizar 2 veículos da Renault, o elétrico Zoe  que custa R$ 147.990 e o Sandero a combustão que custa R$ 68.390, ambos na versão Intense, considerando os seguintes parâmetros:

  • Circuito urbano
  • Preço médio da gasolina a R$ 4,23/litro (Fonte: ANP)
  • Tarifa de energia elétrica a R$ 0,26/kWh (Fonte: Enel)
  • Revisões até 90.000 km (Fonte: Renault)
  • 1000 km rodados por mês

Para encher o tanque do Sandero é necessário desembolsar R$ 211,50, contra apenas R$ 11,18 para uma carga completa do Zoe. A autonomia do Sandero é 590 km e a do Zoe é 300 km de acordo com a fabricante, logo, para cada quilômetro rodado o Sandero gasta R$ 0,36 contra R$ 0,04 do Zoe.

De acordo com o site Carros na Web o valor do seguro anual do Sandero sai por R$ 6.750 e o do Zoe por R$ 2.947.

Ao final do 8º ano de uso dos carros, os gastos somados são o seguinte:

  • Sandero – R$ 99.087,98
  • Zoe – R$ 31.901,57

O custo médio anual para manter um Zoe não passa dos R$ 4 mil, já para o Sandero ultrapassa os R$ 12 mil.

Quando olhamos apenas o valor do veículo, temos a tendência de achar que não vale a pena, porém, devemos colocar os custos na “balança” e pensarmos nos benefícios que esses veículos vão trazer, não só para nós, mas para o meio ambiente.

E ai, ainda tem dúvida se vale a pena adquirir um veículo elétrico?

Este post tem um comentário

  1. Clovis

    Ótima reportagem, Parabéns

Deixe uma resposta